Seja protagonista da sua história

Quem é o protagonista da sua história?

É lamentável,  como vemos nos dias de hoje,  inúmeras pessoas ‘sentadas à beira do caminho’ simplesmente olhando a vida passar diante dos próprios olhos.

Mário Quintana, em suas encantadoras e sábias palavras no esplêndido poema “O Tempo”, assim nos ‘alertou’:

“(…) Quando se vê, já são seis horas! Quando se vê, já é sexta-feira! Quando se vê, já é natal… Quando se vê, já terminou o ano… Quando se vê perdemos o amor da nossa vida. Quando se vê passaram 50 anos! (…)”.

E aí? Vai ficar parado assistindo sua vida passar?

Você já imaginou como seria sua vida se VOCÊ mesmo escrevesse o enredo da sua história com o contexto que gostaria?

Como seria se você parasse de culpar terceiros (sejam eles pessoas, coisas, situação, tempo, Deus, etc) e se responsabilizasse totalmente pela sua trajetória?

Que tal deixar de se sentir vítima do mundo e assumir suas decisões diante da vida? O que acha de sair da condição de espectador e se tornar o astro do seu espetáculo?

O meu primeiro convite a você é: “Mude!”

Mude, e seu mundo mudará! Já não há mais tempo para se auto-vitimizar e terceirizar culpas; já não há mais tempo para desculpas! Não se esqueça: “Quem é bom em desculpas, é péssimo em resultados”; logo, se você não está feliz com os resultados que vem obtendo, é sinal que algo precisa ser alterado na sua vida, pois as mesmas ações sempre provocarão os mesmos resultados.

Mude o seu plantio e colherá bons frutos. Enquanto estiver se utilizando das famosas “desculpas” para fazer ou deixar de fazer algo, os seus resultados permanecerão inalterados. Portanto, mude! Ainda há tempo! Sempre é tempo de mudar!

Você deve estar se perguntando: O que, na verdade, preciso mudar? A grande mudança que deve ocorrer está diretamente relacionada ao seu maior propósito de vida e aos seus valores. Você já se perguntou qual é a razão pela qual você vive? O que você mais deseja realizar nesta vida? O que a realização do seu maior desejo irá lhe proporcionar?

Pois bem, ao descobrir essas respostas, você encontrará, de fato, uma enorme motivação para provocar as mudanças necessárias em sua vida. Mudança ‘dói’; contudo, a dor é necessária para o aprendizado e evolução.

Tenha certeza de que a sua motivação para realizar sua missão será bem maior e lhe trará força e determinação para superar qualquer angústia provocada pela mudança.

O segundo convite que faço a você é

Para que pense, sinta e acredite em tudo aquilo que deseja para sua vida! Coloque foco naquilo que você quer; jamais naquilo que não quer: se você quer saúde, nunca se imagine doente; se você quer alegria, não fique relembrando momentos tristes; se você quer abundância financeira, pare de dizer que está sem dinheiro!

A mente não separa o real do imaginário; portanto, pense, sinta e acredite em tudo aquilo que você quer! Buda já dizia:

“a lei da mente é implacável. O que você pensa, você cria; o que você sente, você atrai; o que você acredita, torna-se realidade.”

Por fim, seja grato! Este é o meu terceiro convite a você.

Pare de reclamar! Experimente trocar a reclamação pela gratidão. Ao invés de reclamar por acordar cedo, agradeça pelo trabalho que possui; quando for reclamar pelo fato de alguém próximo estar doente, mude imediatamente sua postura e agradeça por ter essa pessoa viva ao seu lado. Sempre há algo a agradecer, mesmo nos dias mais nublados, mais difíceis.

Desenvolver uma “atitude de gratidão” pode parecer apenas mais um clichê da vida, mas há indícios científicos provando que agir de maneira positiva no dia a dia, dentre outros benefícios, traz uma imensa felicidade.

E assim, mudando seus pensamentos, seus sentimentos e seu comportamento diante do mundo, em completo alinhamento com seu propósito de vida e valores, você estará saindo da plateia, ou da condição de coadjuvante, e se tornando o protagonista da sua história.

O Universo, então, “abrirá as cortinas do seu espetáculo” e você reinará absoluto em sua peça chamada “Vida”!

Renata Maluf Chaves
Life e Executive Coach LPC

(1) Comments
  1. Texto maravilhoso ,e gostaria muito de obter informações sobre palestras.Sou da área da educação escolar.WILMA iBIRÁ -SP

Comments are closed.